Andav compõe workshop promovido pela CropLife Brasil sobre o enfrentamento ao mercado ilegal de defensivos

Na última terça-feira, 17 de maio de 2022, a CropLife Brasil promoveu em Belo Horizonte (MG), um workshop sobre o Mercado de Agrotóxicos Ilegais. O evento teve como principal objetivo sensibilizar o poder público local para o mercado ilegal de defensivos agrícolas, que cresce e é extremamente prejudicial para o País, tanto do ponto de vista econômico e reputacional quanto para a saúde pública e meio ambiente. O workshop teve como público-alvo policiais, agentes de segurança pública e privada e autoridades locais. A Andav , que é membro do Comitê de Combate a Produtos Ilegais da CropLife Brasil, foi representada no evento pelo seu coordenador regional em Minas Gerais, Dênis Gimenes.

Para Nilto Mendes, Gerente do Comitê de Combate a Produtos Ilegais da CropLife Brasil e um dos organizadores do evento, a iniciativa acontece em um momento crucial, em que há um avanço de ilícitos desta natureza no Estado. “Embora não esteja em uma região fronteiriça, onde é mais comum episódios de contrabando de insumos, Minas Gerais vêm apresentando casos recorrentes desse tipo de atividade, números corroborados pelos totais de apreensões realizadas nos últimos anos”, explica.

Segundo o estudo “O mercado ilegal de defensivos agrícolas no Brasil”, realizado pelo Instituto de Desenvolvimento Econômico e Social de Fronteiras (IDESF), o contrabando de defensivos agrícolas causa um prejuízo de aproximadamente R$ 20 bilhões de reais por ano. E 25% de todo o mercado de agroquímicos é composto por produtos que são fruto de contrabando, desvio de finalidade de uso, falsificação, importação fraudulenta, roubo ou furto.

A publicação revela também que o combate às práticas ilegais demanda urgente atenção do poder público brasileiro em relação às ações, tais como atualização da legislação do setor, garantindo mais eficiência à Justiça; maior punição a contrabandistas e a todos os demais elos da cadeia ilegal dos agroquímicos, e estabelecimento de procedimentos mais eficientes de fiscalização e de controle na aplicação dos agroquímicos.

Coalização multisetorial no enfrentamento ao Mercado Ilegal de Defensivos Agrícolas

A parceria entre a CropLife Brasil, Andav, Segurança pública e Governo, permitiu que as entidades somassem seus esforços para combater os produtos ilegais. Foi criado um banco de dados das ocorrências de roubo de cargas e, recentemente, passou-se a registrar os produtos roubados para auxiliar na identificação e devolução das mercadorias apreendidas pelas autoridades.

A Croplife Brasil também lançou uma campanha nacional, com apoio da Andav, para melhor informar sobre a dimensão do problema, seus riscos e consequências para toda a sociedade.

Os resultados, até então, estão se mostrando positivos. A conscientização para toda a cadeia do Agro foi o primeiro passo. “Temos um comitê com participações das indústrias, da Andav e do inpEV, que discute os temas relacionados aos produtos ilegais. Como fruto do trabalho desse grupo, implementamos e facilitamos o acesso a canais para denúncias. Também estamos trabalhando para desenvolver um programa de treinamento. Temos muito trabalho pela frente”, encerra Nilto Mendes.

Veja outras notícias relacionadas

banner_
06/06/2024
Nota Andav: Medida Provisória 1.227/2024
Capa Informativo Site (2)
24/05/2024
Andav promove terceira edição de web série sobre gestão de riscos
OGF-news-2024-maior
16/05/2024
Lançamento do Outlook GlobalFert 2024: Principais Tendências e Perspectivas para o Mercado de Fertilizantes

Veja outras notícias relacionadas

unnamed
12/06/2024
Pacheco devolve ao governo parte da MP que altera regras do PIS/Cofins
banner_
06/06/2024
Nota Andav: Medida Provisória 1.227/2024
Capa Informativo Site (2)
24/05/2024
Andav promove terceira edição de web série sobre gestão de riscos
OGF-news-2024-maior
16/05/2024
Lançamento do Outlook GlobalFert 2024: Principais Tendências e Perspectivas para o Mercado de Fertilizantes
banner site 1
14/05/2024
7ª edição do Prêmio Mulheres do Agro
Informativos (4)
06/05/2024
Ajude o Rio Grande do Sul!