Andav acompanha evento que lança estudo sobre como o Agro é retratado nos materiais didáticos

Na última segunda-feira (20/03) a Andav esteve  presente, representada pelo seu presidente executivo, Paulo Tiburcio, no evento de lançamento dos resultados de um novo estudo da FIA/USP, solicitado pela Associação De Olho No Material Escolar sobre a representação do Agro nos materiais didáticos. O levamento foi realizado através da análise de quase cem livros didáticos utilizados nos ensinos Fundamental I e II e no Ensino Médio. Uma das conclusões é que muitas vezes o retrato do agronegócio nos livros escolares é distorcido, por falta de dados científicos atualizados e imprecisões.

O estudo, que também contou com o apoio da Andav, reuniu 12 analistas de conteúdo e especialistas do agronegócio, durante mais de 3 mil horas, para avaliar de forma isenta mais de 9 mil páginas de dez das principais editoras que fornecem livros para o Plano Nacional do Livro Didático (PNLD), utilizados nas redes pública e privada em todo o Brasil.

Foram identificadas 746 passagens negativas (ou “fortemente negativas”) sobre o setor rural nos livros da amostra, 60% a mais que menções positivas. Monocultura, desmatamento, uso de agroquímicos e problemas fundiários são temas recorrentes, sendo a absoluta maioria em textos autorais e opinativos, o que só reforça a preocupação da Associação.

“Para nós da De Olho no Material Escolar, é fundamental que crianças de todas as regiões do país tenham acesso a informações legítimas sobre sustentabilidade, tecnologia e inovação no campo e os impactos dessa prosperidade nas cidades. Por meio de uma educação atualizada, com base científica e transformadora, queremos estimular desde cedo nos estudantes sentimentos como encantamento e esperança com as novas oportunidades que vem se abrindo”, explica a presidente da entidade, Letícia Jacintho, que completa: “O setor tem grandes desafios, sim, mas a atividade evoluiu e queremos que fique clara aos alunos a realidade atual do agronegócio”.

Pontes – Criada em junho de 2021, a Associação atua em cinco frentes para construir pontes entre instituições acadêmicas ligadas ao segmento agroindustrial brasileiro e o setor educacional, especialmente as editoras de livros escolares, além de educadores, pais e estudantes. Antes de procurar a FIA/USP, o movimento teve diversas reuniões com representantes da área para conhecê-los, promover esse relacionamento e disponibilizar ferramentas tecnológicas e informações científicas que deem uma dimensão mais sistêmica da relação campo-cidade, por exemplo.

Outro ponto crítico é como uma imagem distorcida do setor pode ameaçar a sucessão geracional. Letícia Jacintho acredita que, com base em exemplos da agroindústria, é possível oferecer aos jovens uma perspectiva de futuro profissional e garantir a continuidade da produção, outra das linhas de atuação da Associação.

Crescimento  – No ano passado, De Olho no Material Escolar teve um crescimento de 158% no número de associados e hoje está presente em 16 estados e mais de 90 cidades, além de contar com cerca de 30 empresas apoiadoras e o suporte de dezenas de entidades e profissionais envolvidos, incluindo o apoio direto dos principais centros de pesquisa brasileiros, como Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq), que oferecem a base científica para a entidade.

Em 2022, a associação esteve nos quatro cantos do país compartilhando informações relevantes sobre o setor rural. Foram mais de 26 eventos, nas maiores exposições do país, e quase 9.000 alunos e mestres da rede pública e particular, do ensino fundamental e médio, convidados a conhecer a realidade da produção rural atual, no projeto “Vivenciando a Prática”.

Próximos passos – Agora o desafio é avançar ainda mais nessa nova relação positiva entre todos os envolvidos: editoras, educadores e estudantes, assim como toda a sociedade civil.

Mais informações sobre os eixos de atuação da De Olho no Material Escolar estão disponíveis em https://deolhonomaterialescolar.com.br/ .

Com informações da Associação De Olho no Material Escolar

Veja outras notícias relacionadas

unnamed
12/06/2024
Pacheco devolve ao governo parte da MP que altera regras do PIS/Cofins
banner_
06/06/2024
Nota Andav: Medida Provisória 1.227/2024
Capa Informativo Site (2)
24/05/2024
Andav promove terceira edição de web série sobre gestão de riscos

Veja outras notícias relacionadas

Foto_Premio_Pesquisa
18/06/2024
Prêmio Mulheres do Agro abre fase de indicação popular para categoria que reconhece pesquisadoras e cientistas
unnamed
12/06/2024
Pacheco devolve ao governo parte da MP que altera regras do PIS/Cofins
banner_
06/06/2024
Nota Andav: Medida Provisória 1.227/2024
Capa Informativo Site (2)
24/05/2024
Andav promove terceira edição de web série sobre gestão de riscos
OGF-news-2024-maior
16/05/2024
Lançamento do Outlook GlobalFert 2024: Principais Tendências e Perspectivas para o Mercado de Fertilizantes
banner site 1
14/05/2024
7ª edição do Prêmio Mulheres do Agro